Sua atitude para aprender línguas conta muito: você no centro do processo

By | Motivação

atitude para aprender línguas

 

Aprender um segundo idioma pode ser um processo muito frustrante se você não souber como fazer isso. Algumas pessoas se sentem forçadas a aprender o idioma pelos pais ou pelo trabalho. Outras têm algum trauma do passado. Ainda há aqueles que querem a todo custo comparar o novo idioma com seu idioma nativo e nada faz sentido. E o que falar dos que querem aprender tudo em um mês?

 

Calma, gente! RESPIRA! Aqui vão algumas dicas de como você pode transformar o pesadelo de ser bilíngue (trilíngue ou poliglota) em algo tão simples quanto dar uma volta no parque!

 

IDENTIFIQUE OS PORQUÊS

 

A primeira coisa é saber o porquê de VOCÊ querer aprender esse idioma. Não pode ser porque outra pessoa quer que você aprenda. É porque você quer aprender. Você quer viajar? Quer um trabalho com melhor remuneração? Quer uma promoção? Quer morar ou estudar no exterior? Qual é a sua motivação?

 

Ter um objetivo claro e definido nos torna IMPARÁVEIS. Eu não sei vocês, mas quando eu decido fazer uma coisa, quando eu coloco um negócio na cabeça, ninguém tira de mim. E é isso que você precisa quando está aprendendo um novo idioma. Você precisa saber o porquê, mas tem que ser algo INTENSO, algo IMPORTANTE, algo FORTE, algo que realmente VALE A PENA. Tudo muda depois disso. E aí, qual é a sua motivação?

 

A SUA ATITUDE É MUITO IMPORTANTE

 

Depois que você acha a sua motivação, a sua atitude deve mudar. Atitude é o comportamento, a maneira de agir. Quer dizer que as coisas estão em suas mãos. Você é que decide como, quando e onde vai aprender. Estudos (e minha experiência também) mostram que aprender outro idioma não depende tanto do método de ensino ou de livros usados, mas da atitude do aluno.

 

COMBINE RECURSOS E FAÇA SUA IMERSÃO

 

Sentar em uma sala de aula é importante para aprender e um ótimo recurso, mas não é o único. Não coloque toda responsabilidade em seu professor. Você deve tomar as rédeas e guiar o seu próprio aprendizado, cercando-se de diferentes recursos e materiais.

 

Você pode combinar as aulas de seu curso com estes outros recursos:

  • Músicas
  • Filmes
  • Seriados
  • Podcasts
  • Vlogs
  • Blogs
  • E-books
  • Livros de gramáticas
  • Livros de estórias
  • Aplicativos para celular
  • Jogos
  • Canais no Youtube

 

Há muitas coisas que podem facilitar a aquisição de outra língua, seja ela qual for, inglês, francês, espanhol ou até russo ou japonês. Encontre atividades que sejam prazerosas para você e mergulhe nelas.

 

Nem sempre precisamos ir para fora do país para fazer uma imersão. Podemos criar nossa própria imersão tendo contato frequente com a língua que estamos aprendendo, de preferência diário. Ao usar os recursos e materiais citados acima você vai conseguir!

 

Além disso, há instituições especializadas em fazer imersões em diversos idiomas sem sair do Brasil. Elas propõem dias ou semanas cheios de atividades divertidas somente com o idioma que você quer aperfeiçoar ou dominar. É um bom programa pra fazer com amigos ou colegas. Fale com sua escola.

 

NÃO TENHA MEDO DE ERRAR

 

Temos falado bastante sobre atitude e grande parte dessa atitude tem a ver com CONFIANÇA. Quando estamos estudando um idioma não podemos nos dar o luxo de ter medo. Precisamos aproveitar cada oportunidade para praticar. Seja na sala de aula ou fora dela. Não tenha medo de errar. Errar é bom e pra ser bem sincero, às vezes aprendemos mais quando erramos do que quando acertamos.

 

Uma amiga foi para Nova York há alguns anos para passear. Lá, ela aproveitou para fazer umas compras. Em uma das lojas, uma atendente estava mostrando para ela alguns perfumes e minha amiga disse: “Oh, this remembers me watermelon” (Ah, isso me lembra melancia). A atendente, de maneira muito educada disse: “Yes. This REMINDS you watermelon” (Sim, isso te lembra melancia). Apesar de REMEMBER e REMIND significarem lembrar em português, eles têm significados diferentes em inglês. Remember é quando você lembra de algo. Remind é quando algo lembra você de alguma coisa. Vamos simplesmente dizer que por causa desse erro minha amiga nunca mais se confundiu.

 

CHEGA DE DESCULPAS

 

Se as coisas dependem de você, tudo que o impedia de aprender até agora perdem força.

  • Encontre sua motivação
  • Mude sua atitude
  • Use vários recursos
  • Faça sua imersão pessoal
  • Não tenha medo de errar
  • Pare de dar desculpas

 

Você consegue!

Veja também:

 

Gostou deste post? Então compartilhe!

Comments are closed.

Assine nossa lista VIP
SIM, VOCÊ PODE ATINGIR A FLUÊNCIA NO IDIOMA!

ASSINE JÁ!
Sua informação não vai ser compartilhada
close-link

Assine nossa lista VIP

Não perca nossas dicas exclusivas para atingir fluência!
ASSINE
close-link
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial